Banner Principal

Entenda como são elaboradas as normas técnicas.

São as normas técnicas que definem os requisitos que garantem a qualidade e a segurança dos produtos do setor vidreiro. O comitê Brasileiro de vidros Planos (ABNT/CB-37) recebe sempre várias questões dos profissionais vidreiros sobre a elaboração e o andamento das normas, seja em palestras, em ligações ou por e-mail.
Entenda-como-são-elaboradas-as-normas-técnicas
Para você que tem dúvidas como são elaboradas as normas técnicas, veja a seguir algumas perguntas frequentes:
Como a elaboração de uma norma tem inicio?
Ela começa com uma demanda da sociedade, que é levada à ABNT. A partir de sua aprovação, o processo tem inicio com a formação da comissão de estudos responsável por atender à demanda: ela é composta por todas as partes interessadas, como produtores, fabricantes, consumidores e entidades neutras.
A secretaria do comitê faz então, os convites a possíveis interessados para as reuniões que discutirão o tema e estabelecerão o conteúdo técnico da norma.
Quem pode participar da elaboração da norma?
Não há qualquer restrição: todos os interessados podem participar. Basta lembrar que a discussão dever ser baseada em argumentação técnicas que estabeleça requisitos mínimos de qualidade, segurança e durabilidade do produto ou serviço.
Como participar desse processo?
Basta comparecer às reuniões, ou caso não seja possível você pode enviar suas contribuições do projeto em discussão para:
E-mail: cb37@abnt.org.br
Como eu posso acompanhar o conteúdo da norma e o que está sendo discutido?
Isso é possível por meio do Livelink, ferramenta da Organização Internacional de Normalização (ISO) na qual são armazenados todos os documentos de uma comissão de estudos. Após se cadastrar na ABNT e na comissão de estudos do seu interesse, você recebe uma senha e o login para entrar no Livelink e acessar os documentos.
Entenda-como-são-elaboradas-as-normas-técnicas_iso
O que é a consulta nacional?
É um processo de avaliação do texto por parte da sociedade, após ele ser concluído por parte da comissão de estudos. A consulta é feita no site da ABNT por qualquer pessoa interessada (desde que ela esteja cadastrada no site), que pode avaliar o conteúdo da norma e aprova-la ou sugerir alterações. Normalmente, o período de consulta é de sessenta dias.
Quem deve cumprir a norma?
Todos que estiveram comercializando, produzindo e/ou instalado os produtos considerados por ela. De acordo com o código de defesa do consumidor, “é proibido colocar no mercado qualquer produto ou serviço em desacordo com as normas vigentes”. A norma tem poder de lei: quando um acidente acontece, ela é consultada para identificar as responsabilidades pelo ocorrido. Com isso, é possível apurar quem não cumpriu as normas e possa, assim, ter acusado o acidente.
Qual a diferença entre norma e manual?
Ao contrario do manual de um produto, o objetivo da norma não é apresentar as instruções de como instalar o produto, nem especificar os materiais que devem compô-lo. Seu objetivo é estabelecer requisitos mínimos de qualidade e segurança de um produto, além dos métodos de avaliação destes requisitos, em outras palavras, seu foco está no desempenho esperado pelo produto e por seus componentes.
Sabemos que os profissionais do setor tem outras questões além dessas, e que novas dúvidas estão sempre surgindo. Para esclarece-las entre em contato conosco.
 
Fonte: Revista O Vidro Plano – Ano 59 – Nº 518

Escreva um Comentário

TOPO